Igreja Protestante da Alemanha, aprova casamento gay


Igreja luterana, decidiu aprovar a realização do casamento gay em seus templos, com 91 votos a favor e 10 contra, em seu sínodo realizado em Berlim.

A Igreja Protestante de Berlim, Brandeburgo e Oberlausitz, é uma igreja regional pertencente a Igreja Evangélica na Alemanha, mais conhecida como Igreja Luterana Alemã. É a terceira no país a aprovar o casamento entre pessoas do mesmo sexo, depois da igreja e Hesse e Nassau e a Igreja do Reno.

“Todos casais comprometidos que querem fazer uma família na diversidade de suas formas de vida, constitui uma reivindicação aos seus direitos e é aceito em nossa Igreja“, disse o bispo Markus Droge, segundo publicou jornal Tagesspiegel.

Para os pastores e as comunidades que recusarem a aprovação, a nova disposição concede um período transitório de cinco anos, que os exclui de oficializar um casamento gay por motivos de consciência.

Há um ano, o sínodo de igreja já havia tomado uma decisão preliminar, e instruiu a direção da igreja que prepare um projeto com uma nova liturgia aprovado sábado.

A Igreja Evangélica em Berlim, Brandenburg e Oberlausitz, com cerca de um milhão de fiéis, oferece desde 2002, como outras dioceses protestantes do país, um oficio religioso para abençoar essas uniões, mas diferenciada do matrimonio. Não incluía a troca de alianças e os casais não eram inscritos no registo da igreja.

O presidente Joachim Gauck, e a chanceler Angela Merkel pertencem à Igreja Evangélica na Alemanha, que é a organização mais importante do Protestantismo no país e tem mais de 23 milhões de membros, representando 29% da população.

Com essa decisão a Igreja Evangélica Luterana, vai contra a Bíblia Sagrada, Martin Luther King, também era contra a prática homossexual ao dizer que “Tudo o que um homem precisa é ter uma esposa, e tudo que uma mulher precisa é ter um homem”.

Portal Padom

ASSUNTOS RELACIONADOS