A Igreja é santa e pecadora? Como entender isso?


O leitor Luciano nos enviou essa mensagem na semana passada: Olá, gostaria que, se possível, me tirassem uma dúvida. Mas primeiro parabenizo pelo site, pelas postagens que, muitas vezes, me fazem rir, ao mesmo tempo em que me fazem aprender mais. Estou sempre visitando e hoje gostaria de fazer uma pergunta. É a seguinte: alguns padres dizem que a Igreja é santa e pecadora, pois é constituída de pecadores. Outros padres já dizem que “a Igreja é santa mas não pecadora” pois ela é o Corpo de Cristo e não pode ter máculas… Diante disso eu queria saber, qual o correto? Qual é a verdade?

Luciano, obrigada por nos dar uma força com suas palavras! Sobre a sua pergunta, a expressão “Igreja santa e pecadora” não é de todo errada, mas não vale a pena usá-la, porque dá asas para as viagens dos hereges de plantão e confunde os menos instruídos.

O principal motivo para evitarmos essa expressão é a caridade para com os irmãos que ainda engatinham no conhecimento sobre a doutrina. Muitos, ao ouvir “Igreja santa e pecadora”, podem cair nas armadilhas do relativismo reinante, achando que “já que a Igreja é pecadora, pode errar em seus ensinamentos, inclusive os dogmáticos”. E isso é uma ideia extremamente torta!

É prudente evitarmos usar uma expressão que dá tanta margem pra conclusões toscas...

homer_igreja

Para entendermos melhor essa questão de “santa e pecadora”, vamos usar a imagem de São Paulo: a Igreja é um corpo, em que nós somos os membros e Jesus Cristo é a cabeça (Col 1,18; I Cor 12,27). Acaso em Jesus Cristo há mancha, há pecado? Certamente que não! E é Ele quem comanda o corpo.

E em que consistem tais comandos? Na doutrina da Igreja, é claro! Os comandos enviados pela cabeça são os ensinamentos sobre fé e moral que todos os católicos (membros do corpo) são chamados a crer e seguir. A doutrina da Igreja, portanto, é um porto seguro, é digna de toda a nossa confiança, pois não é uma doutrina humana; provém de Cristo.

Por isso, no Credo Niceno-constantinopolitano (aquele mais longo), rezamos “Creio na SantaIgreja Católica Una, Santa, Católica e Apostólica”; e não “Creio na Santa Igreja Católica Una, Santa e pecadora...”. Certo? E o Papa Paulo VI, em um documento do Concílio Vaticano II, deixou claro que a Igreja “é indefectivelmente santa”, ou seja, a crença em sua santidade é uma coisa certa, infalível (Lumen Gentium, 39).

O problema é que nem sempre os membros do corpo obedecem adequadamente aos comandos enviados pela cabeça. Assim, a Santa Igreja prega a caridade, o perdão, a castidade, a temperança... Mas quando seus membros estão doentes ou feridos – com a alma ferida pelo pecado –, falham em cumprir esses "comandos". Por isso, a Igreja é Santa, mas necessita ser sempre purificada, pois contém filhos pecadores em seu seio.

A santidade as Igreja é certa, porém, com nossos pecados, nós manchamos o corpo da Igreja. E quando um membro vai mal, todo o corpo sofre. Da mesma forma, quando um membro está sadio – são, isto é, SANTO – todo o corpo se beneficia disso!

Então, é fundamental que saibamos diferenciar a santidade DA Igreja (que é certa) da santidade NA Igreja (que é pessoal e nem sempre corresponde à santidade DA Igreja). Nesse sentido, a expressão “Igreja santa e pecadora” é uma faca de dois gumes: se, por um lado, tem seu fundo de verdade, por outro embaralha um pouco as coisas, pois não favorece a necessária distinção.

Até onde sei, o único Papa de toda a história que se referiu à Igreja como “santa e pecadora” foi o beato João Paulo II – e fez isso uma única vez. Já Bento XVI, sabendo bem da necessidade de colocar os pingos nos is, sempre disse “Igreja santa e composta de pecadores”. Nota 10!

Então, esta é a expressão mais adequada: “Igreja santa e composta de pecadores”.

Os fundamentos das afirmações desse post nós tiramos do documento “Memória e Reconciliação: a Igreja e as culpas do passado” (itens 3.2 e 3.3).

Fonte: https://ocatequista.com.br/blog/item/10840-a-expressao-igreja-santa-e-pecadora-e-uma-faca-de-dois-gumes?highlight=WyJndW1lcyJd

 

 

Como entender que a Igreja Católica é Santa e não erra?

A Igreja Católica é santa, porque ela nasceu pela misericórdia de Deus. Ela é de Instituição Divina. “Jesus é a Cabeça da Igreja, que é o seu corpo (...

A Bíblia qualifica ela própria ou a Igreja Católica como Coluna e Fundamento da Verdade?

É muito interessante que em 1 Tm 3,15 vemos não a Bíblia, mas a Igreja – isto é, a comunidade viva de crentes fundada sob Pedro e os apóstolos e mantida ...

Quais as Provas Bíblicas que Deus entregou sua Igreja a Roma?

A Fé católica é a Fé dos romanos apesar de nem todos os católicos do mundo serem católicos romanos por terem tradições culturais, históricas, teológic...

Onde está na Bíblia que a Igreja Católica é Apostólica e Romana?

CARTA AOS QUE ESTÃO EM ROMA: ROMANOS 1,7. “a todos os que estão em Roma, queridos de Deus, chamados a serem santos: a vós, graça e paz da parte de Deus, ...

Por que só pode existir uma Religião e Igreja Verdadeira?

Há um só Deus, e, portanto, só pode haver uma religião verdadeira, sendo todas as demais falsas....

A Igreja Católica é a prostituta do Apocalipse?

Conforme as palavras de São Paulo aos Colossenses, não deve o Cristão possuir sentimento de animosidade, ira e nem praticar a maledicência para enganar as ...

Catolicismo está crescendo acima da Média da População Mundial, dizem especialistas

Depois de décadas em queda, o número de católicos no mundo volta a crescer a uma taxa superior à expansão da população mundial. Dados oficiais do Vatica...

Quais são os 5 Mandamentos da Igreja Católica?E por que é pecado não segui-los?

Cristo deu poderes à Sua Igreja a fim de estabelecer normas para a salvação da humanidade. Ele disse aos Apóstolos: \'Quem vos ouve a mim ouve, quem vos r...

Por que a Igreja tem mais autoridade que a Bíblia?

Amigo, vai aqui um pouco de catequese para que nossas ideias sejam realmente católicas, fieis à constante Tradição Apostólica presente na Igreja de Cristo....

Provas que a Igreja dos primeiros séculos centralizava em Roma

A Igreja Primitiva era Romana. A supremacia de Roma e a Infalibilidade Papal são um dos dogmas católicos mais criticados. Esse é o motivo de Cisma por parte...

Jesus edificou uma Igreja Visível?

Quem vos ouve, a mim ouve; e quem vos rejeita, a mim rejeita; e quem me rejeita, rejeita aquele que me enviou. (Lc 10, 16)...

Igreja na Bíblia não é cada pessoa?

Se Igreja fosse PESSOA por que a bíblia diz que haverá UM GOVERNO NA IGREJA (1Co 12,28)?...

Como faço para encontrar a Verdadeira Igreja de Jesus?

Temos a verdade nas palavras de Jesus Cristo e o poder de refletir com a lógica básica para discernir essas palavras apropriadamente. Simplesmente observemos ...

Jesus fundou uma religião?

A maior falácia Protestante é dizer que Jesus não deixou religião e basta ter fé e crer em Jesus para ser salvo, sem precisar de nenhuma instituição. Or...

A Igreja somos nós? A Igreja é visível ou invisível? É uma Organização?

Em nenhum lugar na Bíblia você irá encontrar que a Igreja é invisível. Pelo contrário, em vez disso, irá encontrar referências em toda parte da Escritur...

Quem fundou a Igreja: Constantino ou Jesus Cristo? E quando surgiu o termo Catolica?

Com muita frequência, presenciamos pessoas sem estudo e conhecimento histórico falando bobagens dentro de universidades ou mesmo em igrejas protestantes. Se e...