O que é Pecado Mortal? Quais as consequências? E como vencer?


Todo pecado é uma ação contrária ao amor de Deus, mas existem faltas mais graves do que outras, às quais a Igreja costuma dar o nome de "pecado mortal". O pecado mortal (ou grave) é uma desobediência grave à Deus e à sua Lei. Aquele que persiste em qualquer pecado grave tem um demônio dentro dele.» São Bruno (c. 1070).

O pecado é mortal quando:

 

1- A matéria é grave( ou seja, quando se trata de algo importante)
2- Existe o conhecimento de causa( ou seja, quando a pessoa sabe o que está fazendo)
3- Há a vontade deliberada( ou seja, quando se faz por querer)

Se faltar um desses três itens o pecado é leve ou venial.

O pecado mortal é assim chamado porque nos faz perder a graça de Deus, ou seja, a comunhão com Deus, levando nossa alma a um estado de morte.
Quem comete um pecado mortal, rompe por própria escolha a amizade com Deus e coloca-se debaixo da julgo de satanás. É por isso que a Bíblia diz que todo aquele que peca é do diabo (IJo. 3,8).

O pecado mortal é o maior mal e a maior desgraça que um ser humano pode fazer nesta vida, justamente porque nos faz perder nosso maior bem que é Deus.
Quem comete um pecado mortal torna-se réu do inferno, ou seja, torna-se merecedor do inferno, de modo que se morrer nesse estado, sem arrependimento, irá direto para o inferno.

Os pecados mortais mais comuns hoje são: faltar missa dominical por preguiça ou comodismo, viver junto sem ser casado (amasiados ou casados só no civil), pratica sexual fora do casamento (adultério, fornicação, prática homossexual,etc), pornografia (incluindo novelas com cenas imorais, BBBs, etc), masturbação, namoro indecente, ter ódio das pessoas (quando se deseja o mal ao próximo), frequentar falsas doutrinas (espiritismo, macumbaria, maçonaria, magia, etc.), difamar e/ou caluniar pessoas, inscrever-se ou votar em associações ou partidos abortistas ou que defendem ideias gravemente contrárias à família (como PT, PC do B, PSOL, PV, PSTU, PDT, etc.), praticar ou apoiar a prática do aborto, evitar filhos por métodos artificiais (pílulas, camisinhas, DIU, etc), embriagar-se ou fazer uso de drogas, frenquentar festas ou shows mundanos (carnaval, discotecas, boates, raves, bailes funks, etc.), etc….

A pessoa que está em estado de pecado mortal NÃO pode comungar, pois a SS Eucaristia é sacramento dos vivos, ou seja, só pode comungar quem está na graça de Deus, sem pecados mortais. Quem comunga estando em pecado mortal comete o gravíssimo pecado do sacrilégio, ou seja, da profanação do Santíssimo Corpo e Sangue de Deus.

A pessoa que se arrepende de seus pecados, por mais numerosos e graves que sejam, poderá recuperar a graça de Deus e portanto a amizade com Cristo, se arrependida confessar seus pecados com o sacerdote e receber a absolvição sacramental (Jo. 20,22-23).

A pessoa que morre em estado de pecado mortal se condena para sempre ao inferno (Mt. 25, 41). Por isso devemos nos esforçar para amar a Deus de verdade e fugir de todo pecado e de toda ocasião de pecado, pois só se salvam aqueles que no momento de sua morte estão na graça de Deus, ou seja, sem pecados mortais.

Mas se por fraqueza, ilusão ou orgulho cairmos em algum pecado mortal, não permaneçamos deste modo, fora da comunhão com Deus… busquemos um sacerdote e contritos confessemos nossos pecados. Deus não rejeita ninguém que arrependido lhe suplica seu perdão. Devemos nos confessar com frequência (quinzenalmente ou ao menos mensalmente) como ensina o Código de Direito Canônico.

O amor de Deus é maior do que todos os nossos pecados, portanto não há pecado que Deus não seja capaz de perdoar, desde que haja arrependimento e verdadeiro propósito para deixar o pecado e lutar para permanecer na comunhão com Deus.

Tu precisas cortar com a ocasião do pecado. Jesus providenciou a resposta à tua pergunta:

 

Jesus disse: «Por isso, [se] o teu olho direito é para ti causa de queda, arranca-o e lança-o para longe de ti, porque é melhor para ti que se perca um dos teus membros, do que todo o teu corpo seja lançado na geena. E, se a tua mão direita é para ti causa de queda, corta-a e lança-a para longe de ti, porque é melhor para ti que se perca um dos teus membros, do que todo o teu corpo seja lançado na geena.» (Mateus 5:29-30)

 

Portanto, se o teu computador ou o teu telefone ou a tua ligação à Internet ou alguma outra coisa é que é a ocasião de pecado, desfaz-te dessa coisa. Corta-a da tua vida. Nota: as pessoa devem ser capazes de utilizar as coisas mencionadas sem problemas, mas aqueles que estão a cair em pecado mortal precisam desfazer-se delas ou mudar drasticamente ou restringir o seu uso (caso tais coisas sejam de facto ocasião do seu pecado mortal). Os pecados mortais que estão a pôr multidões no caminho do Inferno, e a destruir vidas, incluem fornicação, ver pornografia, masturbação, dar consentimento pleno a pensamentos impuros, etc. Retirar da tua vida a ocasião do teu pecado é algo que podes fazer. Se não o fizeres, perecerás; pois, tendo em conta o teu estado espiritual, se continuares a pôr-te na ocasião que tem estado ligada ao teu pecado, irás falhar.

 

Fora de vista, fora da mente é uma afirmação verdadeira.

 

Mateus 6:22-23 — «O olho é a lâmpada do corpo, Se o teu olho for são, todo o teu corpo terá luz. Mas, se o teu olho for defeituoso, todo o teu corpo estará em trevas. Se pois a luz, que há em ti, é trevas, quão espessas serão as próprias trevas!»

 

Se te desfizeres da coisa que tem dado oportunidade para o teu pecado — se a tirares da tua vista — pensarás nela com menos frequência ou talvez nem irás pensar mais nela em breve. Como consequência, serás capaz de evitar o pecado.

 

Além disso, deverias rezar o Rosário todos os dias e a Avé Maria frequentemente — em pouco tempo deverás estar a rezar as 15 décadas do Rosário todos os dias e a Avé Maria frequentemente. Isso é muito importante. Ademais, não deves ir à confissão até que mudes e estejas resolvido a não cometer mais o pecado. Uma pessoa precisar ter o firme propósito de emenda antes de ir à confissão.

 

Outra coisa: da próxima vez que fores tomar um banho quente, e esteja demasiado quente, e tu baixares rapidamente a temperatura por não aguentá-la, pense em como queimarás num escaldante lago de fogo por toda a eternidade. Pense em como irás lidar com isso, pois é para que caminhas ao menos que mudes.

 

Apocalipse 21:8 — «Mas, pelo que toca aos tímidos, aos incrédulos, aos execráveis, aos homicidas, aos fornicadores, aos feiticeiros, aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no tanque ardente de fogo e de enxofre: o que é a segunda morte.»
Fonte https://www.padrerodrigomaria.com.br/o-que-e-um-pecado-mortal-quais-as-consequencias/
Veja mais 
Que pecados nos impedem de comungar?
O que é um pecado mortal? Padre Paulo Ricardo Responde
Pecado mortal e pecado venial

Por que Deus está pedindo para parar de pecar?

Entenda porque Deus pede para pararmos de pecar....

Por que a minha tristeza vem do pecado?

Tenha certeza: o pecado é o motivo de sua tristeza, e só a vontade de Deus em sua vida pode lhe devolver a alegria verdadeira. Santo Agostinho dizia: “Tua t...

O Pecado nos torna Escravos? E como faço para se livrar?

O Catecismo da Igreja Católica (CIC) nos mostra toda a gravidade do pecado: “Aos olhos da fé, nenhum mal é mais grave do que o pecado e nada tem consequê...

Por que cometemos sempre os mesmos pecados?

Saiba por que temos a tendência de cometer sempre os mesmos pecados. O encontro pessoal com Cristo ressuscitado provoca uma transformação em nosso interior. ...

O que são pecados graves (mortais) e pecados leves (veniais)?

MUITOS LEITORES nos pedem orientações com relação aos significados dos termos pecado mortal e pecado venial, via de regra solicitando listas dos referidos ...